Página 85 - Revista Mês das Mães - Atacado - 1 A 54

Versão HTML básica

direcionamento dar à comunicação para ele nessa mesma
época em outros anos, certo?
2) Esforce-se para trazer os clientes para a sua
loja
Seaspresenteadas sãoasmães, ospresenteadores
são as pessoas que as amam. E é nesse grupo que deve
estar focada sua estratégia de comunicação. “Analise sua
carteira de clientes e busque os presenteadores. Você
pode, por exemplo, criar um cronograma de ações para
trazê-lo para a loja. Para isso, pode mandar e-mail em um
dia, telefonar em outro, fazer um post na sua página no
Facebook mais pra frente e assim por diante. O que não
pode é sentar e esperar que os clientes apareçam. Eles
aparecerão naturalmente, claro, mas não custa nada dar
um empurrãozinho”, sugere o especialista.
Você tem essa lista de contatos, não tem? Se
não, precisa aproveitar o maior fluxo de clientes nas
proximidades do Dia das Mães para começar a cadastrar
seus clientes e conhecê-los bem. Isso será útil em todas
as datas comemorativas a partir de então!
3) Prepare sua equipe para atender aos diversos
presenteadores
Você já parou para pensar que talvez seu cliente
não esteja comprando um presente para a mãe dele
nessa época pré-segundo domingo de maio? Pois é, pode
ser que a presenteada seja a avó, ou então a sogra, a
esposa, a filha, a madrasta. Talvez ele tenha sido criado
só pelo pai, e quer homenageá-lo nesta data.
Ou seja, não dá para assegurar, antes mesmo
de conversar com o cliente, que a mãe é o alvo da
preocupação dele no momento. Por isso, é fundamental
instruir sua equipe sobre os possíveis públicos que a loja
irá receber e preparar os profissionais para entender
exatamente o tipo de presente ideal para cada cliente.
Perguntas simples como “quem você quer presentear
neste Dia das Mães?” e “como é a relação de vocês?”
ajuda a entender a história do cliente e efetivamente
ajudá-lo a encontrar um bom presente.
4) Forneça cartões personalizados
Já deu para entender que para vender mais
neste Dia das Mães abrir a cabeça é um bom começo,
certo? Nesse sentido, outra forma de atender aos
diferentes públicos a serem presenteados nesta data é
fornecendo aos clientes cartões personalizados para eles
entregarem às pessoas que amam. Ou seja, ao invés de
preparar mensagens apenas direcionadas às mães, inclua
recadinhos para as avós, tias, madrastas, esposas, filhas
e até mesmo pais (que muitas vezes exercem o papel de
mãe). Com isso, seu cliente vai conseguir complementar
o presente de forma muito bonita e sensível e sua loja o
ajudará a traduzir o amor que sente por aquela pessoa.
Que tal tentar?
5) Aproveite a época para fidelizar os clientes
Garantir uma boa venda e a satisfação de clientes e
presenteados é legal, mas melhor ainda é ter a certeza de
que sua loja continuará movimentada depois que o Dia das
Mães passar. Para isso, você precisa pensar em estratégias
de fidelização para todos os públicos.
Por exemplo: o cliente leva o presente para a mãe, avó,
esposa e ela ganha um brinde para ser retirado na loja.
Quem não quer um brinde, né?
Ou, ainda, você pode bonificar seu cliente por
outros clientes que chegarem à sua loja indicados por
ele, pode oferecer garantia estendida gratuita, entrega
gratuita… Enfim, boas formas de fidelizar e manter as
vendas em alta durante o ano não faltam. Basta colocar a
cabeça para funcionar, pensar e encontrar maneiras de se
diferenciar!
Claudio Diogo explica que, quanto mais ampla for
sua visão, melhor para suas vendas. Entenda para quem
você vende no Dia das Mães, coloque essas dicas em
prática e tenha um “segundo Natal” campeão de vendas.