Página 98 - Revista Atacado Natal 2015 01 a 42

Versão HTML básica

Lojas lotadas, filas para
pagar, longa espera para
conseguir
atendimento,
vendedores com pressa…
Esses são alguns dos moti-
vos que fazem muitos con-
sumidores considerarem o
varejo um verdadeiro pe-
sadelo quando o Natal se
aproxima.
Mas na sua loja pode ser
diferente! Há alguns cuida-
dos que, quando colocados
em prática, podem trans-
formar a experiência de
seu cliente e garantir que
ele construa memórias
positivas do tempo que
passar aí.
Se você quer oferecer um
atendimento marcante ao
seu público e preservar o
espírito natalino, siga estes
conselhos:
1) Prepare a equipe
Treinar sua equipe para “enfrentar” essa época de
tanto movimento e tão especial em sua loja é o pri-
meiro passo para garantir que tudo flua tranquila-
mente daqui até o fim do ano. Afinal, o aumento
no movimento será inevitável, e os vendedores
precisam estar preparados para isso! Assim, é es-
sencial que você aproveite esse restinho de prepa-
ração para o início de vendas de Natal para oferecer
treinamentos especiais para a equipe. Focar no atendi-
mento é uma excelente ideia!
É importante garantir que seus vendedores entendam que esse é um
momento de pressão e agito, e que o papel deles é fundamental para
manter a ordem mesmo quando tudo parece um caos. Vendedores
mal humorados podem arruinar o Natal de seus consumidores, fazen-
do com que eles não voltem durante o ano inteiro. Por outro lado, um
bom atendimento pode compensar a espera e fazer o cliente se encan-
tar com a loja para sempre.
2) Preocupe-se com o conforto dos clientes
Por mais que você se prepare contratando no-
vos vendedores, muitas vezes é inevitável que
os clientes precisem esperar para serem aten-
didos em época de vendas de Natal. Mas se for
para eles esperarem, que seja com o máximo de
conforto possível. Para isso, organize uma área da
loja com cadeiras e/ou sofás para que eles possam
aguardar sentados. Além disso, ofereça café, água e alguns petiscos para
eles saborearem enquanto esperam.
É interessante, também, deixar um atendente disponível exclusivamente
para esses clientes que estão esperando, como se fosse um recepcionista.
Assim, os consumidores não se sentirão “abandonados” ou “esquecidos”.
3) Organize o momento da espera
Além de garantir o conforto dos clientes que estão
aguardando para serem atendidos, você pode
aproveitar esse momento para providenciar al-
gumas informações que agilizarão o processo
depois. Por exemplo: um atendente pode passar
pelo cliente pegando dados como o seu nome, o
que procura e para quem será o presente. Assim,
quando o vendedor for atendê-lo, já pode ir direto ao
ponto.
Outra ideia para aproveitar a espera é disponibilizar um profissional
para coletar os dados daqueles que ainda não estão cadastrados no
sistema da loja e adiantar o cadastro. Assim, na hora de pagar o cliente
não precisará passar por esse processo, acelerando o fechamento.